Círculo de fadas

  Encontrados normalmente em áreas florestais mas que  também ocorrem em campos e pastagens esse fenomeno podem atingir mais de 10 metros de diametro. São reconhecidos por círculos de cogumelos, bem como por uma zona grama morta, ou um anel  escuro grama verde



 Envolto a uma grande quantidade de lendas os círculos de fadas ou anéis de fadas ou elfos, fazem parte do folclore de vários países. Na Europa muitas vezes eles são associados a feitiçaria,ações diabólicas, lugar frequentado  por seres mágicos e tantas coisas mais... 

Desde  muito tempo eles vem trazendo um certo fascínio sobre as pessoas. Quase todos os tipos de arte europeia há citações aos misteriosos círculos, na literatura aparecendo pelo menos desde o século 13 , ate mesmo Shakespeare faz alusão a eles em o '' Sonho de uma Noite de Verão''. Pinturas podemos encontrá-los desde o século 18.

Anéis feericamente por Richard Doyle de 1875.
 Mas claro eles não tem nada de mágico apesar de ainda não serem exatamente compreendidos pela ciencia. Uma das explicações e que o fungo em crescimento no subsolo absorve os nutrientes, com seu crescimento se expandindo para todos os lados ,a partir do centro para fora ,acontecerá que quando os nutriente do centro estiverem esgotados o centro vá morrer, quando os cogumelos nascerem provavelmente formaram um círculo.

Outra manifestações  anel de fadas é quando a grama ou outras plantas murcham ou morrem. Estas  são causados pelo fungo que, durante um ano muito seco, revesti as raízes de grama e outras ervas em prados as prejudicando. Fungos também  podem esgotar o solo de nutrientes disponíveis, tais como nitrogênio, fazendo com que as plantas que crescem dentro do círculo percam a coloração.


  Já alguns fungos  produzem substâncias químicas que agem como hormônios chamados giberelinas, que afetam o crescimento das plantas, causando o crescimento rápido além de poder deixa-las mais verdes.
 
Há cerca de 60 espécies de cogumelos que podem crescer no padrão de toque de fadas. O mais conhecido é o Oreades Marasmius, comumente conhecido como o champignon anel de fadas.




   

Um comentário: